O MÉTODO PILATES: PORQUE É EFICAZ?

Desenvolver o corpo de forma harmoniosa, retificar as más posturas, repôr a vitalidade física e estimular o espírito... esta é uma prática que merece uma saudação! Mas não se fica por aqui! Para convencê-lo de uma vez a fazer pilates, a Decathlon diz-lhe tudo sobre os benefícios deste método.

O QUE É O PILATES?

O pilates é um método de reforço dos músculos profundos, responsáveis pela postura. Os músculos profundos são músculos do centro que se situam entre as costelas e a bacia, e à volta da coluna vertebral. Constituem o centro de energia do corpo que permite ser mais forte e mais estável. O pilates também é uma disciplina que permite melhorar a consciência do seu corpo, da sua força e dos seus limites para melhor o usar.

QUAIS SÃO OS PRINCÍPIOS MESTRES DESTA DISCIPLINA?

Criada em 1920 por Joseph Pilates em Nova Iorque, o método Pilates é hoje reconhecido no mundo inteiro. Benéfico para o corpo e para o espírito, assenta em 6 fundamentos que são as chaves do sucesso:

A RESPIRAÇÃO

É específica. É uma respiração lateral torácica que permite uma maior utilização dos pulmões (inspiração pelo nariz, expiração pela boca).

A CONCENTRAÇÃO

É necessária uma plena conscientização de cada movimento e da sua execução para uma qualidade máxima em cada exercício.

O CENTRO

Todos os movimentos partem do centro energético do corpo, da cintura abdominal.

O CONTROLO

É necessário controlar cada movimento, associando a respiração e o espírito. É preciso ter plena consciência do seu corpo para controlar cada postura, cada gesto e para senti-lo profundamente.

A FLUIDEZ 

Os movimentos são fluidos e efetuados com graciosidade para trazer todo o equilíbrio desejado através dos exercícios.

A PRECISÃO

É necessário procurar a qualidade de execução do movimento e não a quantidade. Os gestos são estudados de forma minuciosa para que tenham uma influência real na musculatura.

QUAIS SÃO OS BENEFÍCIOS DO PILATES?

« Após 10 sessões, começa a sentir a diferença. Após 20 sessões, vê a diferença. E após 30 sessões fica com um corpo novo! » uma promessa de Josef Pilates, criador do método que tem inúmeros benefícios. 

·       Melhora a postura e reforça os músculos profundos: a dor de costas desaparece, a barriga fica tonificada, o corpo torna-se mais forte e flexível.

·       Melhora os gestos desportivos.

·       Flexibiliza os músculos motores (músculos superficiais, ex: os isquiotibiais -parte traseira das coxas, os psoas -fletores de anca...).

·       Melhora a amplitude articular, a força, a resistência e a potência muscular.

·       Massaja os órgãos internos.

·       Favorece a circulação sanguínea.

·       Diminui os riscos de lesões ou de desequilíbrio muscular.

·       Desenvolve a musculatura de forma harmoniosa.

A QUEM SE DESTINA?

As aulas de Pilates são para todos porque apesar de os exercícios serem exigentes, não são nem violentos, nem agressivos para o corpo. Assim, as mulheres e os homens, desportistas ou não, as pessoas de idade, lesionadas ou em recuperação, os indivíduos stressados, cansados, com rigidez no corpo, as mulheres que acabaram de fazer um parto, podem praticar Pilates porque este método é progressivo (em caso de dúvida, informe-se junto de um profissional na área da saúde). Os exercícios podem ser adaptados em função do nível, das necessidades de cada um e das eventuais patologias.

 

A que ritmo se deve praticar para obter resultados eficazes?

O Pilates é uma disciplina suave, a praticar sem moderação. Como qualquer atividade física, deve ser praticada cada semana, de preferência todo o ano para ser eficaz. O nosso conselho: faça 2 a 3 sessões de Pilates por semana, em função da sua idade e do seu objetivo.

Espero que esteja mais tranquilo acerca desta técnica e ter-lhe dado vontade de continuar com os seus esforços!

Até breve nos vossos tapetes.

Alice H